Prece Espírita: O pai nosso da inteligência

Prece Espírita: O pai nosso da inteligência

Pai Nosso que és o Céu, Plenitude Divina Onipresente, Onisciente e Onipotente, Origem, Sustentação e Destinação, do Espírito e da Matéria, dos Mundos e das Humanidades;

Teu Nome é Santo, por si mesmo o é, acima de opções humanas, felizes ou não, e os Teus filhos, quando tiverem desabrochado as latentes Virtudes Divinas, e se tornado Espírito e Verdade, como Tu és, disso terão certeza;

Em Teu Reino Onipresente, Onisciente e Onipotente, vigoram a Verdade, o Amor e a Virtude, e, em função de Tuas Leis Eternas, Perfeitas e Imutáveis, Teus filhos desabrocharão as latentes Virtudes Divinas, e, como Unos Totais gozarão de Tuas

Divinas Glórias, por ser essa a Sagrada Finalidade do Espírito; Tua Vontade será feita, porque as relatividades de Tua Mesma Manifestação, entendam ou não os Teus filhos ainda inconscientes, tramitam no seio de Tua Absoluta Determinação;

Nem só de pão vive o homem, sobre a Terra, e oxalá ninguém se faça egoísta, usurpador ou cego de espírito, a ponto de, por sua culpa, terem outros de sofrer a miséria, a fome e a nudez;

Que Teus filhos, Sagrado Princípio, deixem de lado os estúpidos religiosismos e sectarismos, venham de fato a conhecer a Verdade e a praticar o Bem, e, assim, deixem de cometer tantos erros e crimes, pelos quais terão de responder, até o último ceitil;

Como em Tua Divina Onipresença prevalecem o Poder, a Justiça e a Glória, faze Senhor que Teus filhos assim reconheçam e vivam, para que a Terra venha a ser, em breve, aquela apocalíptica Jerusalém Celestial, livre de ignorâncias, crimes e sofrimentos;

Porque, Senhor, só assim a Tua Lei estará sendo vivida, o Teu Verbo Exemplar conhecido e imitado, e os Dons do Espírito Santo, Carismas ou Mediunidades, terão completa franquia para que tuas legiões angélicas ou mensageiras possam realmente desempenhar a tarefa consoladora, produzindo sinais, prodígios e curas maravilhosas.

Autor: Osvaldo Polidor
Livro: Orações e Poesias Divinas