Mensagem em video Doce mãe – Espírito Bocage: Chico Xavier

Mensagem em video Doce mãe – Espírito Bocage: Chico Xavier

Doce mãe, Feminíssima senhora, dos teus olhos velado de douçura, nasce fresca, alvorada, que folgura, na infortunada sombra de quem chora. Quando meu filho vagava em noites escuras, nas angustia do abismo que apavora, estendeste meus braços vendo embora. Minhas chagas de fevas e de lolcura, ante o regaso fuja do consente, que minha fé se exalte, embevecida, costenada, vitosa, reverente, recebe-me do Céu de graça e vida, o louvor do teu filho penitente, no clarão de minha alma convertida.

Autor: Chico Xavier Epírito: Bocage